Seis Degraus

[Spoilers] The Wolf of Wall Street alberga inúmeros pormenores que colocam a visão exacerbada do protagonista no pólo oposto relativamente ao olhar do espectador. A entrada na derradeira 3ª hora do mais recente filme de Martin Scorsese enquadra uma cena exímia a esse respeito. 

Jordan Belfort (Leonardo DiCaprio) tenta desesperadamente alcançar o seu ferrari estacionado em frente ao hotel mas a paralisia cerebral de que é vítima transforma tal necessidade num acto hercúleo. Seis míseros degraus separam este ser da máquina que conduz. Ou assim seria quando enquadrados por uma visão conduzida por padrões normais. Aos olhos do protagonista os degraus multiplicam-se, elevando o arrastar deste corpo a algo verdadeiramente épico. A montagem é magnífica ao alternar entre planos de pormenor que enquadram o rosto da personagem e planos gerais que o incluem no espaço que ocupa. O Ferrari a ocupar o centro do enquadramento como objecto inatingível. O jogo entre planos desmistifica constantemente a visão exagerada da personagem principal. 

Um reduzido conjunto de minutos que são espelho de um dos melhores filmes do ano transacto.

Comentários

  1. Respostas
    1. Esta cena é uma bela ilustração do que o DiCaprio é capaz!

      Eliminar
  2. Muito bem apontado! Um dos muitos deliciosos pormenores de um grande filme!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, um grande filme que saiu de mãos a abanar da noite dos Óscares. Mas nem por sombras isso o diminui. Ainda tenho que ver muito do Scorsese mas realmente não há como não gostar deste mestre.

      Eliminar
  3. É bem capaz de ser a minha cena preferida do filme. :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Bem-vindo Nuno! :) Também me sinto tentado a afirmar o mesmo. Muito bom mesmo.

      Eliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

Crítica: Holocausto Canibal (1980)

TCN 2014: Nomeações

A ventoinha de Laura Palmer